Clube

Desinfetar o Telemóvel

Deixamos-lhe algumas dicas para limpar o telemóvel e evitar a propagação do coronavírus
#Fiqueemcasa #Estamosjuntos

Os telemóveis podem ter até dez vezes mais germes do que uma tampa de sanita, revelou um estudo de 2017, realizado pela Universidade do Arizona, nos Estados Unidos. Se pensar que usa o telemóvel em todo o lado, depressa terá vontade de o limpar e desinfetar devidamente. Para isso o seu Clube pensou em deixar-lhe algumas dicas de como o fazer.

LIMPEZA HÚMIDA PARA DESINFEÇÃO

A limpeza húmida elimina a maioria dos germes, mas deverá ser feita com cuidado. Desligue o dispositivo antes de começar a limpá-lo. Além de mais seguro, é mais fácil ver onde deve limpar.

Use um pano microfibra. Estes panos limpam suavemente o ecrã dos dispositivos sem correr o risco de riscá-los. As microfibras atraem e removem óleos e poeiras, enquanto outros materiais os espalham.

Não devem ser usados produtos de limpeza em spray ou em aerossol, pois a maioria dos smartphones é sensível aos líquidos e mesmo os que declaram ter um índice de proteção elevado são para a água e não para outro tipo de líquido.

O ideal é que o telemóvel tenha um vidro temperado para proteger o ecrã. Este vidro pode ser facilmente limpo e evita, assim, a exposição do ecrã do telemóvel diretamente a produtos de limpeza.

Para desinfetar, use toalhetes com 70% de álcool isopropílico ou humedeça levemente uma ponta de um pano microfibra em álcool isopropílico e aplique-o suavemente no aparelho. Tenha cuidado para não limpar dentro dos orifícios das ligações.

Quando terminar, limpe tudo com a parte seca do pano microfibra e lave-o para a próxima utilização. O ideal é que, além do vidro de proteção, o telemóvel tenha uma capa a cobrir toda a parte traseira do aparelho e que permita uma desinfeção mais frequente diretamente na capa, sem risco de poder provocar a descoloração do próprio aparelho.

(Adaptado In Deco Proteste, Tecnologia, 30/03/2020)

Publicado em 20/04/2020