Clube

Como sobreviver em teletrabalho com crianças pequenas

Dicas do Clube Millennium bcp

Voltar a estar em Teletrabalho e com crianças?
Por favor chamem o Tom Cruise! Parece Missão Impossível, não é? Prometemos ajudar...

Como estabelecer uma rotina de teletrabalho, estando em casa com crianças?
Aceitem, que dói menos...

O filme de ficção científica Covid-19 continua e tivemos de voltar a um novo confinamento total familiar. É fundamental manter a calma e alimentar a nossa saúde mental. É importante aceitar várias coisas...

A produtividade laboral será menor: Há que identificar as prioridades e colocá-las como meta;

Quem tem de se adaptar somos nós e não as crianças: As crianças não entendem, nem têm a maturidade de processar como nós, o que é o Covi-19, o porquê de estarmos fechados, as saudades dos amigos e da escola, a quebra na sua rotina; Somos nós quem tem de as ajudar, criando condições para manter a normalidade, na medida do possível, das suas rotinas e atividades diárias.

Organizem-se!

Para orientar toda a família e criar harmonia, façam um horário que vos sirva de guia para manter a rotina organizada. Se preferirem orientá-los, deixem-nos escolher entre duas atividades ou opções diferentes. Estarão a conferir-lhes a sensação de responsabilidade e de importância. Não se esqueçam de pendurar o plano à vista de todos, e relembrá-lo diariamente às crianças: é importante para as crianças antecipar aquilo que vai acontecer, porque se sentem mais seguras e conseguem estruturar melhor o seu pensamento.

Tenham capacidade de adaptação, como um camaleão

Não só a nossa produtividade será menor como também os nossos horários de trabalho precisam de ser ajustados: No escritório não temos crianças a pedir atenção, mas em casa a situação é diferente, pelo que o ideal é parcelar o trabalho.

Mantenham as rotinas como se fossem trabalhar normalmente: Acordar à mesma hora, fazer a higiene, tomar o pequeno-almoço. Trabalhem mas em conciliação com uma atividade pedagógica que a criança possa fazer sozinha. Deem continuidade aos projetos da escola, mesmo sem aulas, é importante não perder o comboio. Expliquem-lhes que precisam dos vossos momentos de concentração e que depois poderão brincar juntos.

Façam a gestão do dia-a-dia para encaixar as restantes horas de trabalho, nos períodos de sesta ou até à noite, depois de os deitar.

Como manter também a sanidade mental dos adultos?

A nossa preocupação, nesta fase, são as crianças, mas é fundamental não nos esquecermos de que também nós estamos a viver um período de indefinição que nos altera as rotinas e nos pode causar bastante ansiedade. Por isso é fundamental estabelecer algumas regras para nos mantermos sãos, produtivos e bons pais, tudo ao mesmo tempo:

. Planear blocos de trabalhos para ajudar na produtividade e garantir pausas para arejar;
. Fazer pausas sem acesso a dispositivos eletrónicos: preparar um lanche rápido, ouvir um bom podcast, ligar para um amigo ou familiar (muito importante manter o contato social), fazer algumas tarefas domésticas;
. Se viverem com outra pessoa que também está em teletrabalho, definam uma divisão de tarefas para não saturar a convivência e com as crianças ajuda muito; enquanto um trabalha, o outro brinca e depois trocam;
. Programem um momento do vosso dia para fazer exercício físico em família;
. Lembrem-se que no trabalho têm, pelo menos, uma hora de almoço para descansar a cabeça – mantenham essa pausa em teletrabalho, é vital;
. Determinem uma hora para desligar o computador; a ideia é não ficar permanentemente a trabalhar;
. Respirem fundo, façam meditação, yoga ou exercícios de relaxamento, e lembrem-se: é só uma fase, vamos todos ficar bem, e em breve o teletrabalho com crianças será só uma memória divertida.

Nota: O Clube não tem qualquer interesse direto ou indireto nas marcas e/ou empresas e/ou entidades indicadas.

Fonte: Site "Pumpkin Enterprises".

Publicado em 01/02/2021