Cultura

O Dia de Reis pelo Mundo

Celebrado anualmente a 6 de janeiro através de diferentes tradições que se estendem pelos quatro cantos do mundo

Sabes porque é que se comemora o Dia de Reis no dia 6 de janeiro?

Reza a lenda que os Reis Magos fizeram uma longa viagem para irem conhecer o Menino Jesus pelo que só conseguiram chegar a Belém no dia 6 de janeiro. Segundo a tradição cristã foi a Estrela de Belém que revelou o nascimento de Jesus aos Três Reis Magos e que os guiou até à manjedoura onde se encontrava o Menino.

Sabes os nomes dos 3 Reis Magos?

Belchior era o Rei da Pérsia, Gaspar era o Rei da Índia e por último Baltazar que era o Rei da Arábia. No entanto embora chamados de "Reis" podiam não o ser, ou pelo menos não o serem com o significado que atualmente conhecemos. Há quem lhes chame "magos", mas também não poderiam ter sido porque as suas capacidades nada tinham a ver com magia. O termo "mago" era usado na altura para identificar os homens sábios e eruditos; talvez fosse o caso dos Três Reis Magos.

Sabes que presentes ofereceram ao Menino Jesus?

Belchior ofereceu Ouro que simbolizava a realeza, Gaspar ofereceu incenso que simbolizava a divindade e por último Baltazar ofereceu a mirra que representava a imortalidade. E assim chegou a tradição de troca de presentes, até aos nossos dias.

Então não deveriam os presentes ser trocados a 6 de janeiro?

Em alguns países, caso da Espanha, a troca de presente faz-se só no dia 6 de janeiro, mas noutros países, como em Portugal, é na Véspera de Natal ou no Dia de Natal logo pela manhã.

Tradição de Reis em Portugal

Em Portugal o tradicional bolo-rei faz parte da celebração de Reis. Embora mais habitual em determinadas zonas do país, o bolo-rei traz uma fava e, a quem calhar a fatia com a fava deverá providenciar o bolo no ano seguinte. Existe ainda a variação a este bolo que é o bolo-rainha, por sua vez, sem as tradicionais frutas cristalizadas.

Algumas zonas do país, principalmente nos meios mais pequenos, continuam ainda com o hábito de cantar as Janeiras. Isto é, a partir do 1 de janeiro até ao dia 6, grupos de pessoas vão para a rua a cantar de porta em porta. Como agradecimento recebem comida e bebida.

Vamos ouvir cantar as "Janeiras"

Cerca de sessenta alunos da CSI Diogo Bernardes responderam ao convite feito pela Câmara Municipal de Ponte da Barca e deram as boas-vindas ao novo ano acompanhados ao som dos cavaquinhos. Assista aqui.

O Grupo Etnográfico Mil Raízes do Clube Millennium bcp (*) dá as boas-vindas ao novo ano, cumprindo a tradição tão portuguesa de "Cantar das Janeiras".

(*) O Grupo Etnográfico Mil Raízes do Clube Millennium bcp tem como objetivo divulgar os usos e costumes de Lisboa - pregões, fados e danças palacianas e tradicionais portuguesas (vídeo - apresentação na Feira D´Avila em fevereiro de 2020).

Tradição de Reis em Espanha

Aqui comem a "Rosca de Reyes", semelhante ao bolo-rei. É no Dia de Reis que os espanhóis têm a tradição de trocar presentes. Em algumas cidades organiza-se o cortejo dos Reis Magos, a que chamam de "Cabalgata de Reyes". Os Reis Magos desfilam em carros bem decorados, acompanhados de muitos cavaleiros e lançam doces à assistência. É ainda comum oferecer "carvão de azúcar" às crianças.

Tradição de Reis em França

Neste país come-se o bolo "Galette des Rois" à base de amêndoa ou maçã. Tal como em Portugal, o bolo também tem um brinde no seu interior e quem o encontrar será o rei, pelo menos por uma noite.

Tradição de Reis na Finlândia

Para comemorar o "Loppiainen", os finlandeses têm a tradição de fazer bolachas de gengibre em forma de estrela, as "Piparkakut", ao mesmo tempo que pedem desejos. A tradição dita que a bolacha seja partida em três pedaços, na palma da mão e que seja comida em silêncio para que o desejo se realize.

Tradição de Reis nos  Estados Unidos

No Estado do Louisiana, o Dia de Reis marca o início das preparações do Carnaval. Aqui também é habitual comer o "King Cake", semelhante ao bolo-rei de Portugal, até à celebração do "Mardi Gras" (terça-feira Gorda).

Tradição de Reis no Brasil

Aqui grupos de pessoas juntam-se a tocar diversos instrumentos, seguindo as ordens do Mestre de Folia, da Folia dos Reis, uma manifestação religiosa praticada pelos católicos. Nesta data comemora-se com festas onde se servem doces e comidas típicas das diversas regiões.

Nota: O Clube não tem qualquer interesse direto ou indireto nas marcas e/ou empresas e/ou entidades indicadas.

Fonte: Sites "National Geographic" e "Science4you".

Publicado em 28/12/2020