Desporto

6 Horas no Kartódromo Internacional de Palmela

Equipa 1 do Clube Millennium bcp destacou-se ao conquistar a segunda posição do pódio!

Duas equipas.
6 pilotos inscritos.

Equipa 1
: Miguel Ramada, Gonçalo Mira e Tiago Santos.
Equipa 2: Nuno Rosa, Ângelo Neves e Lourenço Esquivel.

Chefes de Equipa
: Ricardo Marcelino e Orlando Santos (um obrigado especial a estes dois elementos pois estiveram intratáveis na gestão de box e foram uma grande ajuda).

Com duas equipas competitivas abordámos esta corrida de 6 horas de forma diferente; combinámos entre todos que até ser possível rodaríamos sempre juntos de forma a potenciar a performance das duas equipas naquilo que seria uma grande prova de entreajuda e algum sacrifício.

O cronômetro veio-nos provar que esta estratégia foi a mais acertada, pois com um 1.º e um 4.º lugar nos treinos cronometrados (em 22 equipas) esta foi a melhor qualificação conjunta que o Clube obteve no Kartódromo Internacional de Palmela nos últimos tempos.

Iniciada a corrida, a Equipa 1 destaca-se ligeiramente do resto do grupo perseguidor conjuntamente com a equipa saudita "Asphalt Knights" que conta nas suas fileiras tão somente com alguns dos melhores pilotos mundiais desta categoria de Endurance e vencedores de muitas provas nacionais e internacionais, o que diz bem da exigência e qualidade destas provas em Portugal.

Fica claro que temos grandes pilotos no nosso país e por consequência no Clube Millennium bcp que talvez merecessem melhor "sorte" neste hobby/carreira. Este cenário manteve-se até às 4 horas e meia de corrida.

A equipa 2 rodava no grupo perseguidor fruto de um kart mais difícil de conduzir e que perdia alguns décimos de segundo por volta. A conjuntura do arranque ditou que não fosse possível as duas equipas manterem-se juntas como era o nosso desejo. São decisões que são tomadas por vezes em frações de segundos.

Conforme já foi escrito, a vitória na prova foi decidida mais ou menos por volta das 4 horas e meia de corrida, altura em que um piloto atrasado e sobejamente conhecido por este tipo de atitudes resolveu fazer a "corrida da sua vida" e intrometer-se na luta entre as duas equipas da frente. Foi o suficiente para cavar um fosso de 18 segundos que não mais foi possível recuperar.

Resultado final, equipa 1 no segundo lugar e equipa 2 no décimo primeiro lugar final, ambas as equipas sem penalizações.

Publicado em 18/12/2018